segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

Encceja

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) realiza exames que, além de diagnosticar a educação básica brasileira, possibilitam meios para certificar saberes adquiridos tanto em ambientes escolares quanto extraescolares. O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) é um desses exames.
O Encceja tem como principal objetivo construir uma referência nacional de educação para jovens e adultos por meio da avaliação de competências, habilidades e saberes adquiridos no processo escolar ou nos processos formativos que se desenvolvem na vida familiar, na convivência humana, no trabalho, nos movimentos sociais e organizações da sociedade civil e nas manifestações culturais, entre outros.
A participação no Encceja é voluntária e gratuita, destinada aos jovens e adultos residentes no Brasil e no exterior, inclusive às pessoas privadas de liberdade, que não tiveram oportunidade de concluir seus estudos na idade apropriada.
No Brasil e no exterior, o Encceja pode ser realizado para pleitear certificação no nível de conclusão do ensino fundamental e ensino médio. Para certificação do ensino fundamental, é preciso ter, no mínimo, 15 anos completos na data de realização do exame. A certificação do ensino médio exige a idade mínima de 18 anos completos no dia de aplicação da prova.
O Encceja oferece atendimento especializado e específico, além de atendimento pelo nome social, para participante travesti ou transexual que quiser tratamento pela sua identidade de gênero. Os atendimentos especializados, específicos e os auxílios ou recursos de acessibilidade devem ser solicitados durante a inscrição.
O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos constitui-se de provas estruturadas da seguinte forma:
Para o ensino fundamental:
  • Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física e Redação;
  • Matemática;
  • Historia e Geografia;
  • Ciências Naturais.
Para o ensino médio:
  • Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Redação;
  • Matemática e suas Tecnologias;
  • Ciências Humanas e suas Tecnologias;
  • Ciências da Natureza e suas Tecnologias.
Essas áreas do conhecimento foram estabelecidas a partir do currículo da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), de acordo com os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN's).
Para se preparar para o exame, o Inep disponibiliza em sua página na internet o material didático pedagógico de apoio aos participantes e professores que é composto por um volume introdutório, quatro volumes de orientações aos professores e oito volumes de orientações para o estudante (quatro para o ensino fundamental e quatro para o ensino médio).
A Matriz de Competências e Habilidades, também disponível na página eletrônica do Inep, possui 30 habilidades e continua subsidiando o estudo individual. As competências do sujeito são eixos cognitivos que referem-se, também, ao domínio de linguagens, compreensão de fenômenos, enfrentamento e resolução de situações-problema, capacidade de argumentação e elaboração de propostas. Dessas interações resultam, em cada área, habilidades que são avaliadas por meio das 30 questões objetivas (múltipla escolha) e pela produção de um texto em prosa do tipo dissertativo-argumentativo, a partir de um tema de ordem social, científica, cultural ou política (redação).
Todos aqueles que tenham realizado o Encceja Nacional em anos anteriores e não obtiveram média para aprovação na área de conhecimento, poderão inscrever-se novamente no Exame para eliminação do componente curricular desejado, caso tenham interesse.

Para mais informações sobre o exame, acesse a página do Inep.

Fonte: http://portal.mec.gov.br/encceja

Bacharel, Licenciado ou Tecnólogo

De acordo com o MEC:

Qual a diferença entre bacharelado, licenciatura, curso tecnológico e área básica de ingresso?

Bacharelado - curso superior generalista, de formação científica ou humanística, que confere ao diplomado competências em determinado campo do saber para o exercício de atividade profissional, acadêmica ou cultural, com o grau de bacharel.
Licenciatura - curso superior que confere ao diplomado competências para atuar como professor na educação básica, com o grau de licenciado.
Tecnológico - curso superior de formação especializada em áreas científicas e tecnológicas, que confere ao diplomado competências para atuar em áreas profissionais específicas, caracterizadas por eixos tecnológicos, com o grau de tecnólogo.
Área Básica de Ingresso - Designa uma situação em que uma única “entrada” possibilita ao estudante, após a conclusão de um conjunto básico de disciplinas (denominado de “ciclo básico” por algumas instituições de educação superior), a escolha de uma entre duas ou mais formações acadêmicas. É comum em cursos cuja entrada é única para licenciatura ou bacharelado (história, física, geografia, etc.); ou em cursos como os de letras, que disponham de várias formações acadêmicas vinculadas.

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

UFJF - Pós-graduação com inscrições abertas para 2018


lista_dicas_pesquisa_diferencial_objeto_estudo_pesquisa
Há vagas nos programas de Saúde, Saúde Coletiva, Física, Psicologia e Ciências Biológicas; prazos de inscrições variam conforme os cursos
Programas de pós-graduação da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) estão com inscrições abertas entre os meses de dezembro de 2017 e fevereiro de 2018. As vagas são válidas para 2018 em áreas como Física, Psicologia e Saúde.
Saúde ColetivaPrograma de Pós-graduação em Saúde Coletiva (PPgSC) oferece 22 vagas para o mestrado nas linhas Política, Gestão e Avaliação do Sistema Único de Saúde e Processo Saúde-Adoecimento e seus Determinantes. As inscrições podem ser feitas até 4 de janeiro, de segunda à sexta-feira, na secretaria do programa, localizada no prédio do Núcleo de Assessoria, Treinamento e Estudos em Saúde (Nates). O horário de funcionamento é das 8h às 11h e das 14h às 16h. Inscrições via Sedex também serão aceitas, com carimbo de postagem até o dia 2 de janeiro. Quem fizer essa opção, também precisa enviar o requerimento de inscrição via e-mail. Confira outras informações no edital e na página do programa.
O PPgSC oferece ainda até 12 vagas de doutorado nas mesmas linhas de pesquisa do mestrado. Segundo o edital, as  inscrições também devem ser feitas na secretaria até 4 de janeiro de 2018 ou com postagem de documentos pelo Sedex até 2 de janeiro. Outras informações no site do programa.
FísicaJá o Programa de Pós-graduação em Física (PPG-Física) oferece até dez  vagas para mestrado e dez para doutorado. Os interessados devem se inscrever até 8 de janeiro de 2018, na secretaria do programa, localizada no Instituto de Ciências Exatas (ICE). O funcionamento é de segunda à sexta-feira, de 9h às 11h e de 14h às 17h, com exceção de feriados e recessos acadêmicos. Candidatos que optarem por se inscrever via Sedex precisam seguir determinações presentes no edital. Na data do carimbo de postagem, deve constar até o dia 8 de janeiro. Outras informações no site do programa.
Ciências BiológicasPrograma de Pós-graduação em Ciências Biológicas – Imunologia e DIP/Genética e Biotecnologia (PPGCBIO) disponibiliza 12 vagas para mestrado e cinco para o doutorado nas áreas de Imunologia e Doenças Infecto Parasitárias e Genética e Biotecnologia. As inscrições devem ser feitas presencialmente, entre 2 e 24 de janeiro de 2018, na secretaria do programa, localizada no Instituto de Ciências Biológicas (ICB). O funcionamento é de 9h às 15h. Outra opção é se inscrever pelo Sedex. Nesse caso, é preciso enviar o requerimento de inscrição via e-mail e todos os documentos necessários para a secretaria do programa até 24 de janeiro. Confira o edital completo e outras informações no site do programa.
PsicologiaPrograma de Pós-graduação em Psicologia (PPG-Psicologia)disponibiliza até 24 vagas de mestrado em diferentes linhas de pesquisa. Para se inscrever, o candidato deve ir até a recepção dos programas de pós-graduação, no Bloco A do Instituto de Ciências Humanas (ICH), terceiro andar. Segundo o edital, as inscrições presenciais poderão ser feitas entre 29 de janeiro e 9 de fevereiro de 2018, de segunda à sexta-feira, de 10h às 18h. Já o prazo de inscrições via Sedex termina em 5 de fevereiro, considerando o carimbo postal para verificação. Outras 18 vagas estarão disponíveis para o doutorado. Os procedimentos de inscrição são os mesmos do mestrado. Veja outras informações no edital. No site do PPG-Psicologia também há informações complementares para os interessados nos dois processos seletivos.
SaúdePrograma de Pós-graduação em Saúde (PPgS) disponibiliza vagas para mestrado e para doutorado. As inscrições começam em 5 de fevereiro e vão até 8 de fevereiro de 2018. Os interessados devem ir até a secretaria do programa, localizada ao primeiro andar do prédio da Faculdade de Medicina, na Avenida Eugênio do Nascimento, s/n, Bairro Dom Bosco. O horário de funcionamento é de 9h às 13h e de 14h às 16h. Para fazer inscrição a distância, o candidato deve entrar em contato com a secretaria até o dia 2 de fevereiro e obter instruções. Outras informações no edital completo e no site do programa.

Fonte: http://www.ufjf.br/noticias/2017/12/29/programas-de-pos-graduacao-com-inscricoes-abertas-para-2018/

quinta-feira, 21 de dezembro de 2017

Enem 2017/2018 - Divulgação dos Resultados e o que fazer depois

Logo que passa o agitado período de provas do Enem, começa a contagem regressiva para a publicação dos resultados. São mais de dois meses de espera da última prova, no dia 12 de novembro, até o resultado, que só sai com data prevista para o dia 19 de janeiro de 2018.

Enem 2017: Divulgação dos Resultados Individuais em janeiro de 2018

Assim que sair o resultado o candidato terá que correr para garantir sua participação em um dos processos seletivos que utilizam a nota do exame que são o Sisu, ProUni e FIES, que abrem logo após o resultado do Enem estar disponível para consulta.

Resultado Enem 2017

resultado do Enem 2017 deve sair somente na terceira semana de janeiro de 2018, claro que parece muito tempo para sair um resultado, levando em consideração a data de aplicação da última prova. Mas essa demora tem uma explicação.
Milhões e milhões de estudantes realizam o Enem todos os anos. As provas objetivas são corrigidas automaticamente, porém as redações precisamser lidas e analisadas uma por uma, passando por no mínimo dois avaliadores diferentes. Não é fácil dar conta desse volume.
Pode acontecer que as correções terminem antes do esperado e o resultado do Enem pode sair antes, mas nem se anime muito é somente alguns dias mesmo.Até lá não há o que fazer tem que aguardar e arrumar alguma coisa para ocupar seu pensamento por pelo menos 2 meses.
Enquanto não sai o resultado da nota oficial você pode ter uma prévia da sua nota utilizando nossa calculadora de nota do Enem 2017 acessando https://enemnota.com.br/ .
Os resultados trazem as notas individuais que o candidato obteve em cada uma das provas que são Linguagens, Códigos e suasTecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias, Redação, Matemática e suas Tecnologias e Ciências da Natureza e suas Tecnologias.
A consulta é realizada individualmente e deve ser feita pela página do participante e para acessar o boletim de desempenho é só informar o seu número de CPF e a senha, não é possível ver o resultado de outros candidatos.

Dicas do que fazer quando sair o resultado do Enem 2017


O Enem sozinho não é um processo seletivo, não fornece vaga em nenhum lugar, justamente por isso você deve ficar atento logo que sair o resultado, pois em seguida começam os sistemas de seleção que utilizam a nota da prova para ofertar vagas em universidades públicas e particulares em todo o território nacional.

Veja quais processos seletivos vão utilizar a nota do Enem 2017

Sistema de Seleção Unificada (Sisu), este é o maior e mais concorrido processo seletivo que inicia assim que é divulgado o resultado do Enem, na segunda quinzena de janeiro. Pelo Sisu são distribuídas vagas em universidades públicas de todo o Brasil. A seleção permanece por menos de uma semana e para conseguir entrar em grande parte dos cursos é necessário ter nota alta. Só participa do Sisu 2018 quem fez o Enem 2017 e não zerou na redação.
Programa Universidade para Todos (ProUni), logo que encerra o Sisu, no fim de janeiro, em seguida começa o ProUni, que distribui milhares de bolsas de estudos em faculdades particulares por todo o Brasil. Para inscrever-se no ProUni 2018 é necessário apresentar desempenho de no mínimo 450 pontos na média das provas do Enem 2017 enão ter zerado na redação, além disso o candidato também terá que atender a critérios de renda e formação.
Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) é o programa do governo federal que financia os estudos universitários a juros baixos e ainda oferece um longo prazo de pagamento. A seleção abre logo após o resultado do ProUni e para concorrer o candidato pode ter realizado qualquer uma das edições do Enem a partir de 2010, desde que tenha alcançado o mínimo de 450 pontos na média das provas e nota acima de zero na redação, além disso é obrigatório se encaixar em um perfil de renda para participar.
E por último o Ingresso Direto que com o resultado do Enem 2017 é possível concorrer a vagas em universidades particulares sem realizar o vestibular, fique atento pois o período de inscrições varia conforme a instituição de ensino superior. Basta informar a nota alcançada em qualquer uma das edições do Enem e caso tiver a pontuação mínima necessária, correr para fazer a matrícula. É simples assim!

Fonte: https://enem2017.biz/enem-2017-divulgacao-dos-resultados-individuais-em-janeiro-de-2018/

MAIS!!!

Veja o resultado: 

https://enem.inep.gov.br/participante/#!/inicial

Simule sua nota: 

https://enemnota.com.br/

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Formação Continuada de Professores e Especialistas em Educação




O Programa "Apoio ao Professor" é um programa de extensão totalmente gratuito que tem como objetivo a difusão de conhecimentos para a formação continuada de professores e especialistas em educação de todo o país.Saiba mais!



Como fazer a matrícula

As matrículas para o curso “Novas tecnologias para a Aprendizagem no Ensino Médio e Fundamental” podem ser realizadas através do formulário abaixo. Cada módulo oferecido tem a duração de 12 horas. Escolha os módulos que deseja cursar, insira os seus dados e aguarde um email de confirmação. Em caso de dúvida, entre em contato conosco pelo e-mail  contato@institutophorte.com.br.
Depois de realizar a matrícula, uma senha é enviada no período de 48 horas, permitindo o início do curso.  Seja bem-vindo(a) ao Apoio ao Professor!

 NOVAS TECNOLOGIAS NA APRENDIZAGEM: ASPECTOS FILOSÓFICOS
 NOVAS TECNOLOGIAS NA APRENDIZAGEM: DIDATICA APLICADA
 NOVAS TECNOLOGIAS DA APRENDIZAGEM: NOVAS PLATAFORMAS
 NOVAS TECNOLOGIAS DA APRENDIZAGEM: POLÍTICAS EDUCACIONAIS
 EDUCAÇÃO FÍSICA


Cursos Oferecidos

Uma parceria entre a UNESCO e o Instituto Phorte Educação: Cursos Inteiramente gratuitos!

O curso online “Novas Tecnologias para a Aprendizagem no Ensino Médio e Fundamental”, é uma parceria entre a UNESCO e o Instituto Phorte Educação, um conteúdo totalmente gratuito .  É dividido em 4 módulos de 12 horas e destaca subsídios para um planejamento pedagógico apoiado no uso das novas ferramentas,  passando pelo seu uso na avaliação escolar e favorecendo o trabalho com habilidades e competências na sala de aula. O currículo aborda a utilização prática-reflexiva de inúmeras ferramentas digitais, como simuladores, livros didáticos digitais, tablets e dispositivos móveis, blogswikispodcasts, rádio-web, videoaulas, repositórios de objetos educacionais, portfólios digitais, tabelas e formulários de avaliação, visitas de campo virtuais, em um planejamento que permite o desenvolvimento de competências do professor para a busca, classificação, armazenamento, validação e reutilização da informação encontrada na Web, visando sempre a geração estruturada de conhecimento.
Os cursos oferecidos:
1. NOVAS TECNOLOGIAS NA APRENDIZAGEM: ASPECTOS FILOSÓFICOS
2. NOVAS TECNOLOGIAS NA APRENDIZAGEM: DIDÁTICA APLICADA
3. NOVAS TECNOLOGIAS NA APRENDIZAGEM: NOVAS PLATAFORMAS
4. NOVAS TECNOLOGIAS NA APRENDIZAGEM: POLÍTICAS EDUCACIONAIS
A promoção de liberarmos um curso todo mês inteiramente gratuito para reforçar a sua capacitação continua:
No mês de julho/2017 o curso escolhido é:
Educação Física
Carga horária: 20 horas
Docente: Prof. Miguel Olio
Avisos: A avaliação poderá ser realizada dentro do mês promocional, depois não reabriremos a mesma.
Caso não consiga acessar o curso normalmente, acesse o link abaixo:
http://sistema.apoioaoprofessor.com.br/AreaAluno/

Preencha o formulário e receba a sua senha em até 48 horas.

Cada educador pode realizar o módulo que desejar ou ainda todos os módulos. Em caso de dúvidas, envie um e-mail para nossa equipe:  contato@apoioaoprofessor.com.br
O Instituto Phorte agradece sua participação neste processo de capacitação de nossos amados professores!
Divulgue este projeto, multiplique o saber.

Fonte: http://www.apoioaoprofessor.com.br/

Sites que oferecem cursos gratuitos e a distância

A cada dia que passa a qualificação profissional tem se tornado mais importante para conquistar uma vaga no mercado de trabalho. Esse é um dos fatores que fez com que a educação a distância tenha chamado a atenção de muitas pessoas, pois além de qualificação profissional permite que estude a qualquer hora e lugar. Sem sair de casa os alunos tem contato com os colegas e com os professores através de salas virtuais.
Se você está procurando um bom curso gratuito e a distância, confira quais são os 9 sites que oferecem esse tipo de curso e que emitem certificado.
Fundação BradescoAtravés da Escol@ Virtual é possível ter acesso a plataforma de educação a distância. Alguns cursos são totalmente pela internet e outros são semipresenciais.
SESI
O SESI é uma escola bastante conhecida, através do Portal Sesi Paraná é possível se inscrever em diversos cursos online e gratuitos.
Fundação Getúlio VargasA FGV é a primeira a ser membra do OCWC do Brasil, que é um consórcio feito entre instituições de ensino com o objetivo de oferecem materiais e conteúdos pela internet e sem custos.
SEBRAEOs cursos do SEBRAE são voltados para a temática de empreendedorismo, são mais de trinta cursos que contam com tutoria.
SENAIO SENAI é uma escola de referência em qualificação profissional. Os cursos oferecidos são desenvolvidos pensando nas necessidades do mercado de trabalho.
CIEEOs cursos do CIEE são para quem está na busca do primeiro emprego ou de uma nova colocação no mercado de trabalho. É necessário fazer um cadastro para ter acesso a lista de cursos.
SENACO SENAC cobra mensalidade dos cursos, mas com o programa de bolsas PSG é possível conquistar uma vaga em curso a distância sem pagar nada. Os cursos são focados tanto na formação inicial quanto na continuada.
Prime CursosEssa é uma referência no Mercado Virtual, são oferecidos materiais de diversas áreas, desde cabeleireiro até administração.
Cursos Online SPEssa plataforma oferece 150 cursos de qualificação profissional. São cursos livres, gratuitos e a distância.

Fonte: Blastingnews e https://www.moodlelivre.com.br/noticias/111-cursos/1298-9-sites-que-oferecem-cursos-online-gratuitos-com-certificados

Escola Virtual da Fundação Bradesco


Quem Somos

Antigo Portal da Escola Virtual
Escola Virtual é um portal de e-Learning dedicado a oferecer cursos a distância - via Internet e semipresenciais.
Escola Virtual está à disposição de alunos, ex-alunos, educadores e funcionários da Fundação Bradesco, além de pessoas da comunidade que queiram obter uma nova especialização ou requalificação para o mercado de trabalho.




Fundação Bradesco

On-line

São cursos rápidos, em diversas áreas do conhecimento.
Você está iniciando no mundo da informática? Busca aperfeiçoamento ou especialização? Aqui você encontrará um curso sob medida para suas necessidades!

Semipresencial

São cursos mais técnicos, voltados para usuários mais experientes.
As aulas presenciais, além de obrigatórias, são importantíssimas para o aprendizado!
Após a inscrição é necessário aguardar a convocação.